UX – veio para ficar!

Compartilhe

foto AC1 IMG_2512

Muito se fala em experiência do viajante – UX (user experience).

As empresas clientes e os gestores de viagens analisam seus programas de viagens e verificam como encontrar produtos e serviços para engajar seus executivos e viajantes. Pesquisas demonstram que esta é a melhor maneira hoje de ter o viajante engajado na política de viagens.
Alguns se perguntam se a preocupação com um conforto maior e uma experiência diferente e bacana para o viajante pode custar mais.

A resposta é: não necessariamente!

Toda a indústria de viagens global, principalmente a tecnologia, os aeroportos e a hotelaria se preparam para isso, colocando em prática este conceito, que passa por produtos e serviços e que vira realidade e é muito bom experimentar!
Na semana passada fui ao Rio, onde estou hoje novamente, para ministrar um workshop para a indústria de VC (viagens corporativas) e nosso host foi um hotel de outro novo destino do Rio de Janeiro, no novo centro do Rio – O Porto Maravilha, que para quem conhece Buenos Aires, se tornará no futuro, com certeza, um Puerto Madero.
O AC hotels by Marriott me surpreendeu, pois é mais uma destas caixinhas de surpresa. Por fora um hotel que não chama muito atenção e um entorno ainda em obras. A experiência começou assim que saltei do carro porque fui acompanhada pelo coordenador de segurança do hotel até o quarto andar, onde fica a recepção, o bar e o restaurante. A primeira coisa que me chamou atenção ao chegar lá, foi a equipe, muito jovem, com uniformes muito elegantes, e com uma postura e sorrisos especiais, de quem está engajado neste novo conceito, com atitudes e cabelos “descoladas” (descobri que vários não vem da escola de hotelaria e sim são atores, publicitários, enfim das mais diversas profissões), esbanjam simpatia e conversam com os hospedes de todas as idades. Quando subi ao quarto, encontrei uma estrutura muito confortável, com várias tomadas e USB ao lado da cama e na mesa de trabalho e guarda-roupas sem porta. A parte de eventos com mobiliário moderno, mesas sem toalhas e Coffee-break simples, mas muito diferente, com comidinhas deliciosas e águas aromatizadas com várias frutas. Tudo muito caprichado.
Qual o custo disto? Muito provavelmente menor que alguns hotéis tradicionais. A questão aqui é mudança de olhar mesmo, é entender o que os milênios querem nas suas hospedagens e treinamentos diferenciados!

Parabéns staff deste hotel, a experiência de todos nós foi incrível!


 

Fonte: http://blog.panrotas.com.br/viagensemice/index.php/2016/08/10/ux-veio-para-ficar/